Auto-respeito é crucial para a sua felicidade, porque constitui a base de todas as decisões que você toma, e como permite que as outras pessoas lhe tratem.

Muito infelizmente, enquanto crianças, associamos aquilo que aprendemos sobre respeito por outras pessoas, ao nosso próprio auto-respeito, e chegamos à idade adulta sem noção do respeito que devemos a nós mesmos.
Acabando por traduzir-se na sua baixa auto-estima, não se valorizar, na necessidade de agradar todo o mundo, de colocar-se em último lugar e sacrificar o seu próprio bem-estar.

É importante saber que você não está sozinho nisso. Talvez esteja confundindo o seu auto-respeito por um ego inflado, ou excesso de confiança, mas esse exercício é fundamental para a sua felicidade. Continue lendo e saiba porquê.

“Nunca viole a sacralidade do seu próprio auto-respeito”

– Theodore Parker

Antes de prosseguir, eu gosto sempre de esclarecer o leitor com algumas definições para os termos que vamos utilizar. Apesar da palavra “auto-respeito e autorrespeito” significarem a mesma coisa, elas não existem no dicionário.

 

O que é o auto-respeito?

Auto-respeito de define pela forma como você se mantém em estima, por quanto você acredita que você é de valor e digno de ser bem tratado.

Então na prática, ela é a fundação em que você se baseia para tomar todas as suas decisões, como você se trata, e como permite que as outras pessoas lhe tratem.

Um exemplo de auto-respeito é quando você sabe que merece ser tratado corretamente e, como resultado, não tolera os outros mentindo para você ou tratando-o injustamente.

 

Qual a diferença entre auto-respeito e auto-estima?

Auto estima é a avaliação que você faz sobre si mesmo como sendo intrinsecamente positiva ou negativa em algum grau. E o auto-respeito é como você implementa esse conhecimento sobre si mesmo.

Externamente, a sua auto-estima pode ser elevada, mas é possível ter uma auto-estima positiva, e ter muito pouco respeito por si mesmo. Como exemplo, você pode ser uma pessoa muito benevolente, mas ter um marido que a agride diariamente. Não impor limites àquilo que os outros fazem de si é sinal de fraco auto respeito. Mas continue lendo que tem mais exemplos.

 

Então qual a diferença entre auto-respeito e ego?

Auto-respeito é o nível que respeito que você tem por você mesmo, e ego é o entendimento sobre a sua própria importância.

Por exemplo, uma pessoa que tenha um ego inflado que seja causado por demasiada auto-estima, pode se dar demasiada importância, mas na sua essência se sente inútil e indigno de respeito.

Mas não interprete da forma errada porque o ego é necessário para o ser humano. As pessoas que têm uma auto-estima elevada e simplesmente gostam de si mesmas, têm o ego naturalmente presente, mas este não desempenha nenhum papel fundamental em suas ações.

Ter Auto Respeito - Dicas para ter mais respeito por si mesmo

Existes cada vez mais estudos que comprovam a relação entre o auto-respeito e a auto-confiança, que resultam em felicidade.

Sintomas da falta de auto-respeito e amor-próprio

1. Você é o tapete que todo o mundo pisa

Você é aquela pessoa a quem todo o mundo pede e a quem ninguém dá nada em troca. A falta de amor-próprio é muitas vezes ser confundida com altruísmo. E a diferença entre ambos aqui é que quem tem falta de amor próprio deixa que todas as pessoas a pisem. Cedem aos seus próprios desejos, mesmo que tenham consciência disso.

2. Você se perde numa relação

Numa relação, você perde a sua essência, quem você é e o que você é. Decisões são tomadas sem o seu consentimento, e você não se importa com isso. Você esquece os seus valores e acaba fazendo coisas que não costuma fazer, e que são totalmente contrárias à sua natureza.

3. Está constantemente procurando atenção

Você quer validação que a sua baixa auto-estima não pode fornecer. Em como consequência, você segue outros padrões e modas para chamar atenção. Pode por vezes se vestir, se maquilhar e se comportar de forma exagerada para chamar atenção.

4. Você exagera nos maus hábitos

Maus hábitos como a bebida, fumo, comida e auto-mutilação se tornam escapes para a sua falta de auto-respeito. Tornam-se formas fáceis para você esquecer ou abafar as emoções negativas.

5. Você se preocupa com quem não se preocupa consigo

Você seria capaz de abdicar do seu próprio bem-estar, e cometer loucuras por pessoas que não se preocupam minimamente consigo.

6. Você tolera abuso mental, verbal e física

Você tolera comportamentos abusivos do seu parceiro e de outras pessoas que supostamente você gosta, porque você se prende no fato que já foi bem tratado no passado, e se segura nisso porque tem esperança que um dia pare de abusar de si.

7. Você procura compensar com sexo

Você procura compensar a sua solidão e falta de respeito por si mesmo com sexo, porque está carente de atenção, de estar com alguém, ou sentir que é amado.
O sexo acaba não sendo libertador, divertido ou com respeito. É apenas cru, e sem intenção.

8. Você é usado como um fantoche

Você é usado como um meio para atingir um fim. E mesmo sabendo, você deixa acontecer porque acredita que não tem nada de valor para acrescentar. Isso pode ser refletir em relacionamentos, em reuniões de trabalho e encontros com amigos quando acha que suas opiniões não oferecem nenhum valor.

9. Você se desleixa

A sua casa está uma bagunça, e tem todas as tarefas por completar. A pia da cozinha está sempre cheia de pratos, suas roupas por passar, não se importa com a limpeza e apenas quer relaxar e dormir o dia todo.

Auto-respeito é fundamental

  1. Ter auto-respeito fará de você uma pessoa melhor
    Se você se respeitar mais, você se sentirá mais digno de ser feliz. E quando você se sente mais digno, e que merece amor e respeito, as pessoas em seu redor irão começar a respeitar e gostar mais de você.
  2. Ter mais respeito por si mesmo exibe resistência e valores morais
    Mostrará um caráter forte com a disposição de aceitação a responsabilidade por sua própria vida e lutará pelos seus valores e crenças.
    Isso fará com que outras pessoas notem e lhe admirem por isso.
  3. Ter auto-respeito anula a sua necessidade de fazer comparações
    Quando você se respeita, você acaba tendo mais amor próprio; amor pela sua personalidade, pelos seus atributos, pelas suas habilidades e talentos, e até pelas suas falhas. E quando isso acontece, deixará de ter a necessidade de comparar a sua vida com a vida sos outros porque compreende que todas as pessoas têm seu próprio brilho.

 

Como ter mais auto respeito por si mesmo

 

16 Maneiras para aumentar seu auto respeito

1. Respeite suas crenças e valores

Suas crenças e seus valores são subjetivos e exclusivamente seus. São a base que compõe a sua essência. Elas são suas, e você não precisa mudá-las para satisfazer ou se adequarem a ninguém.
Enquanto você não respeitar der prioridade aos seus valores, você nunca irá atingir objetivos que o façam feliz. É tão simples assim.

2. Respeite o seu corpo

O seu corpo é o veículo da sua vida, e é o único que você tem. Cuide bem dele, e pratique um estilo de vida saudável e ativo.

3. Respeite os seus bens e o seu ambiente

Você demonstra que é capaz de cuidar bem de você mesmo, quando você cuida do seu espaço e dos seus bens. Ter o seu espaço sempre limpo e arrumado, e se cercando com coisas bonitas irá refletir o seu caráter e a sua beleza. Todas as pessoas se sentem bem numa casa limpa e apresentável, e não precisa ter dinheiro para isso.

4. Respeite os seus interesses

Não esconda mais os seus hobbies e as suas paixões. Partilhe-as com quem as valoriza também, porque o que não falta por aí são pessoas que têm paixões semelhantes, e que querem também conhecer pessoas como você.

5. Respeite a sua palavra

A sua palavra é a sua honra, e isso é o que você tem de mais valioso.
Sê honesto, saiba justificar as suas opiniões, e comunique abertamente sobre o que você realmente sente. Você deve isso a si mesmo.

6. Respeite os seus limites

Entenda quais são os seus limites pessoais e não os viole para apenas receber mais atenção.
As pessoas vão lhe valorizar da forma errada, se perceberem que você é facilmente manipulável.

7. Respeite, reconheça e enfrente os seus receios

Se você tentar fugir dos seus receios, elas irão exercer mais poder sobre você. Não se esqueça que o que você resiste persiste.
Reconheça e encare seus receios.

8. Respeite e valorize os seus erros

Por mais difícil que seja, valorize os seus erros. Eles são um incrível sistema de feedback quando você as utiliza para encontrar a lição, em vez do castigo. Tente sempre encontrar a lição por detrás de cada erro, e valorize o conhecimento obtido, mesmo que seja para cometer o mesmo erro de novo.

9. Respeite o seu tempo

Gerencie o seu tempo de forma eficiente, e valorize o tempo que tem para você. Nunca dê prioridade a uma pessoa que apenas faz de si uma opção.

10. Respeite suas fraquezas

Todas as suas fraquezas são oportunidades para aprender e se aperfeiçoar. Aproveite e use-as para melhorar o seu caráter.

11. Respeite os seus objetivos e os seus sonhos

Atingir os seus objetivos e os seus sonhos pode lhe ajudar a construir mais auto-respeito e auto-confiança. Comece pelos mais fáceis, e à medida que for progredindo virá sua auto-confiança e auto-respeito aumentar.

12. Respeite seus sentimentos e emoções

Não faça o que não lhe faz feliz. Se não se sente feliz no relacionamento, saia. Se não gosta do emprego, saia. E se não gosta de um lugar onde não está feliz, saia.
Se não consegue sair, então tente mudar a sua situação, mas planeje a sua saída, e faça acontecer. Não se deixe arrastar por meses, e anos a fio, para continuar se sentindo miserável. Respeite-se.

13. Respeite suas oportunidades

Quando você respeita as suas oportunidades, aceita o que vem, e agradece, você estará atraindo mais e melhores oportunidades para si.

14. Respeite as suas necessidades

Dê prioridade às suas necessidades, e nunca dê aquilo que você precisa. Não dê a outra pessoa quando está abdicando das suas próprias necessidades, por mais difícil que seja.
Isso dará e exemplo para a outra pessoa respeitar as suas necessidades também.

15. Respeite o seu círculo íntimo

Você é a combinação das 5 pessoas com quem mais convive. Respeite-se o suficiente para garantir que essas pessoas são a melhor companhia do mundo, e que lhe apoiam de forma positiva. Verifique se os seus valores estão alinhados.

16. Respeite-se a si mesmo

Respeitar é aceitar. Para se auto-respeitar, você precisa aceitar que é digno de respeito e de felicidade. Respeite o seu esforço para se auto-respeitar, e isso lhe dará infinitas possibilidades para ser feliz.

 

Achou útil esse artigo? Compartilhe e comente. Lembre-se que o seu comentário pode ajudar outra pessoa.

Comente e Partilhe este Artigo
Publicado recentemente

Start typing and press Enter to search